Medo excessivo de morrer: um dos sinais da ansiedade tem solução!

Medo excessivo de morrer: como se livrar de um dos maiores efeitos da ansiedade?

Medo excessivo de morrer: como se livrar de um dos maiores efeitos da ansiedade?

Não são raras as pessoas que sofrem do medo excessivo de morrer jovem, sozinho(a) e até mesmo dormindo! A boa notícia é que há uma solução para o problema

 Poucas pessoas conhecem o termo “Tanatofobia”. Trata-se do medo excessivo da morte. A palavra é de origem grega, mais especificamente uma alusão ao deus da mitologia grega que representa o fim da vida, chamado Thánatos. Porém, mesmo sendo um termo muito antigo, o medo excessivo de morrer ainda faz parte da vida de milhões de pessoas em todo o mundo, principalmente quando pensamos na influência cada vez mais forte da ansiedade no dia a dia. A boa notícia é que no post de hoje você irá conferir dicas para se livrar do medo excessivo de morrer, que é um dos maiores efeitos provocados pela ansiedade.

 Sintomas físicos do medo excessivo de morrer

  • Calafrios e Sudorese;
  • Ficar com a boca seca várias vezes durante o dia e noite;
  • Perceber com frequência taquicardia e palpitações;
  • Náuseas durante boa parte do dia;
  • Sensação de falta de ar e de asfixia;
  • Notar pressão baixa;
  • Perceber uma agitação fora do comum;
  • Sensação de dormência e formigamento;
  • Muitas dores de cabeça ou também de enxaqueca;
  • Uma aumento, mesmo que discreto, da ansiedade;
  • Aumento também nas dores no estômago e de uma maior sensibilidade em relação à temperatura corporal.

Ainda neste cenário, podemos apontar quais são os principais “medos de morrer” que são considerados pelo meio psicológico-médico, que são o medo de morrer sozinho, medo de morrer jovem e também o medo de morrer dormindo.

O que pode provocar o medo excessivo de morrer?

São vários os fatores que podem provocar este que é um dos maiores e mais preocupantes efeitos da ansiedade, como:

  • Raiva;
  • Tristeza;
  • Angústia;
  • Culpa;
  • Preocupação constante e acima do normal no dia a dia;
  • Ausência de amigos e familiares durante longos períodos.

 O que fazer para acabar com a sensação de medo da morte?

Algumas dicas são bem simples e você mesmo pode colocar em prática sempre que sentir um medo excessivo de morrer no dia a dia. Confira:

  1. Beba pelo menos um copo de água sempre que ansiedade tomar conta de um momento específico do seu dia.
  2. Durma bem: uma boa noite de sono é ideal para abaixar os níveis de ansiedade e para contribuir para um dia seguinte mais calmo e equilibrado.
  3. Tomar um ar também é uma boa ideia, principalmente se você mora em um apartamento ou passa por uma crise de ansiedade em um local muito pequeno ou fechado, como em um escritório.
  4. Conte de um até dez, com calma, no ritmo certo. Tal ação ajuda ao cérebro a perceber o problema e orientar um caminho de saída. Uma ação que acalma e traz benefícios imediatos.
  5. Respiração: também faz toda a diferença respirar fundo e de maneira pausada.

A inteligência emocional também pode ajudar!

Trata-se de uma metodologia eficaz na identificação dos gatilhos emocionais que geram a ansiedade e o medo excessivo de morrer. Através de treinamentos de inteligência emocional é possível analisar o que provocou / provoca o medo de perder a vida e, a partir disso, trabalhar exercícios e ferramentas para lidar com o problema e buscar uma saída equilibrada e de acordo com a sua personalidade e objetivos. Quer saber mais sobre o assunto? Fale com um dos nossos especialistas!

ARTIGOS RELACIONADOS